web analytics
Jun 042010
 
MAC Lisboa: Grande Exposición dedicada al maestro portugués Hilário Teixeira Lopes

DA COLORATURA MULTI-DIRECCIONALMENTE EXPANSIVA Hilário Teixeira Lopes was born in Mirandela in 1932. with ten years old steps up the drawing production which have already begun some time ago, copying all the pictures and images from books and journals that he have access as well as the landscapes of Mirandela, setting them out through shop windows of the village. In 1946, Teixeira Lopes family moved to Lisbon and Hilário is enrolled in the Visual Arts School Antonio Arroyo. At the same time begins to work in the studio of the sculptor João Fragoso, maintaining contact with the artistic life of the times through the many painters and sculptors who frequented the atelier of the master, and attending the impromptu gatherings there. The life of the young painter was now divided between work and Lisbon`s bohemian. On the one hand, he learns the classical draw, on the other hand, learned the technique of ceramic with Fragoso. And painted increasingly orders asserting itself as an eminent portraitist. Let the studio of João Fragoso and strart working with the master of stained glass, Ricardo Leone, learning this art until become the main performer of the workshop. Leone tries to enlist him with future projects and promises of society, but Hilário tires of so much work and responsibility. Continuing his studies, he begans to work in the Ministry of Assistance at part-time. Quickly, his paintings are filling the walls of division. One day, brings an easel, paints and canvas and installed in a corner of the room and from […]

May 212010
 
Portugal: SANTOS LOPES / MAC

Bronzes e releituras em tela Um conceito chave é comum a toda a produção escultórica de Santos Lopes – movimento. E neste conceito, o escultor encerra um conjunto de motivações formais – dimensão, textura, patine – através das quais nos é dada uma aparência física, dos seres e das coisas, capaz de afectar os nossos sentidos de tacto e visão. Santos Lopes constrói a matéria inerte na sobreposição de planos, volumes, arestas, possibilitando-lhe diversas variações de posição relativamente ao fruidor. Não se trata aqui de uma noção de movimento enquanto deslocamento dos objectos no espaço, mas sim de um movimento interno, de forças que se geram no equilíbrio da composição e as formas estáticas tornam-se cinéticas e dinâmicas, expandindo-se para além das três dimensões: altura, largura e profundidade A obra de Santos Lopes assume-se numa linha de investigação escultórica atávica, reforçando as preocupações tradicionais da prática escultórica que se prendem com o espaço, o volume, o peso, a gravidade. Nela percebemos o interesse que os pontos de vista assumem no seu trabalho. Os pontos de vista dos corpos de Isadora em movimentos de dança, os pontos de vista de braços que dão lugar a asas em movimentos espraiados, os pontos de vista de abraços em movimentos de afecto. A constância da prática escultórica de Santos Lopes está enraizada na disciplina artesanal do atelier, próxima à magia alquímica, que lhe confere destreza, pouco usual, no manuseamento das matérias, que vão do barro ao bronze, passando pelos gessos, pelas ceras, pelos ácidos. À parte de todas as […]

Jul 082009
 
A Pintura de Romeo Niram

por Álvaro Lobato de Faria, Coord. Director MAC Lisboa – Romeo Niram, pintor de reconhecido mérito, com personalidade fortemente expressiva, de uma espontaneidade à flor da pele, e de um virtuosismo incontestável, habituou-nos a ser, entre figurativo e abstracto, uma testemunha sensível da nossa época.